Reclamação não respondidaNão respondida

Tentativa de cancelamento de contrato

Klinos Editora
São Paulo - SP
13/01/2014 às 21:56
ID: 7590956
    Status da reclamação:
    Reclamação não respondidaNão respondida

    Esta reclamação possui mais de 3 anos e não está mais sendo contabilizada no índice da empresa

    Ver todas Reclamações

    Há um ano efetuei a matrícula para mim e minha esposa na escola de inglês “You Move”, unidade do Tucuruvi - SP, e com isso fomos obrigados a adquirir 2 kits de material didático, pois alegaram que não poderíamos fazer o uso do mesmo kit e muito menos adquiri-los de segunda mão.



    Pagamos R$ 5.184,00 pelos 2 kits, sendo R$ 2.592,00 por cada kit, e fomos informados que este era um valor promocional e que em caso de rescisão de contrato teríamos que arcar com 20% de multa sobre o valor pago (ou a pagar) além de custear o(s) módulo(s) já utilizado(s). E em nenhum momento nos foi informado (nem costa em contrato) que em caso de cancelamento o valor a ser considerado seria sem o desconto.





    Motivos de força maior nos levaram a desistir do curso e foi aí que começaram os transtornos.







    A editora quer nos cobrar o valor INTEGRAL, SEM DESCONTO do material.







    Este é o maior dos absurdos, pois quando é que você compra algo e na hora de devolver o faz pelo dobro do preço? Isso não existe.







    Como se já não bastasse a inflexibilidade na hora de romper o contrato, ainda existe muita demora em nos dar retorno, sendo que a primeira resposta ao nosso pedido de cancelamento só veio 2 meses após enviarmos e-mail.



    Estamos muito bem informados que a obrigatoriedade em adquirir material didático (exclusivamente da escola em questão, novos e/ou todos de uma vez) institui-se na prática de venda casada, sendo que esta é proibida de acordo com o Código de Defesa do Consumidos (art. 39, inc. I da Lei nº 8.884 de 11 de junho de 1994), constituindo infração de ordem econômica (art. 36, § 3º, inc. XVIII da Lei nº 12.529 de 30 de novembro de 2011).







    Caso esta questão não seja resolvida de forma justa e correta (que é o que estamos tentando desde o início), iremos procurar os órgão competentes e exigir que as Leis sejam cumpridas.

    Compartilhe
    Sem índice
    Sem índice
    --/ 10

    Está com problemas com Klinos Editora?

    Reclamar