PublicidadeIcone publicidade
Reclamação em réplicaEm réplica

Problema XC40 Recharge

Volvo Cars - Automóveis
São Luís - MA
30/06/2023 às 14:37
ID: 167388201
Status da reclamação:
Reclamação em réplicaEm réplica

Essa reclamação foi publicada há mais de 1 ano

Ver todas Reclamações

PROBLEMA COM CARRO VOLVO
Data da compra: 05/05 emissão da nota fiscal
Entrega do carro: 18/05/2022
Ocasião em que o carro foi vendido com autonomia de 420km, 100% elétrico, não foi mencionado nada em relação a carro ser restrito ao uso urbano cidades. Volvo, auto esporte, quatro rodas todos informaram autonomia do carro em varias reportagens, inclusive na época o carro veio sem manual pois não havia chegado o manual ainda e era ainda digital.
Tudo começou quando em nossa viagem em 08/12 de São Luis para Santo Amaro.
Ao iniciamos a viagem com saída as 5hs da manhã, chegando na fazendinha a 70km, vimos no painel que de 100% agora estava com 72%, e começamos a perceber que o percentual caia drasticamente, cada percentual passou a cair rápido e luzes no painel começaram a disparar. Começamos então a monitora a viagem por 1 hora, sinais começaram a acender no painel, percebemos logo que os 100% de carga não seriam suficientes para chegarmos ao ponto, desligamos o ar condicionado, abrimos janelas do carro e passamos a conduzir a 70km por hora. O que não se faz em uma br.
Chegamos ao hotel e tudo já estava ligado no painel, tentamos colocar assim que chegamos a tomada do carro no hotel, o que para nossa surpresa conector não padrão do Brasil, o que impediu de conseguimos abastecer, na cidade o eletricista não conseguiu fazer adaptação.
1 acionamos o hell desk da volvo que disse não entender motivo do carro não performar e que na volta levássemos o carro a concessionaria
Foi então que lembramos que o casal que ia na mesma viagem estava ainda em são luis e pedimos que buscassem meu carregador, pois era 2 pinos e abastecia tbm o Volvo.
2- o carregador passou 48 horas para abastecer em partes o carro chegando apenas 90%
na volta tivemos que ir toda viagem de vidros abertos e 70km escoltados por 2 carros de apoio.
4- quando chegamos em são luis procuramos a concessionaria, que na voz de sua vendedora Sheyla pediu para deixarmos o carro para uma avaliação, e após isso foi feita uma atualização de software
5- o gerente da volvo foi adicionado na conversa e de pronto falou que o carro fazia sim 430 e que para comprovar faria uma viagem com o carro e que mostraria que o carro fazia a autonomia informada. O mesmo fez a viagem para uma região próxima e alegou que o carro teria ido e voltado com 70% de carga. O que ele registrou por vídeo, porem em distancia condições inferiores, aparentemente 2 pessoas no carro.
5.1 A partir dai tivemos uma serie de explicações não logicas, que o marco não sabia dirigir carro elétrico e por isso a baixa performance, que o carro era um carro urbano que não se adaptava ao perfil do marco. Que se ele tivesse na volvo na época teria indicado o carro hibrido, informamos que na compra do carro foi falado profissão e uso do carro no nosso negócios e variedade de locais que nos deslocávamos.
5.2 Marco não aceitando a indagação do gerente disse que o carro não fez nem metade do que deveria ter feito.
O gerente passou a explicar que o brasileiro não tinha costume com carro elétrico ainda, que era novidade. Eu o interrompi e disse: qualquer outro brasileiro tudo bem, mas nos temos carro elétrico desde 2021. E não temos apenas 1 carro elétrico e sim 3.
Nesse meio tempo víamos para Europa e vimos a performance dos carros da volvo entre Franca e Itália e na Suíça.
5.5 eu entrei em contato com a volvo 29/12 após chegarmos de viagem da Suíça, onde vimos só carros a mais de 120km, falei da situação e atendente me mandou um link da volvo que simulava as condições da viagem e na simulação feita horário, pessoas e mala, temperatura o carro deveria performar 350 e não 215, a volvo respondeu que ia abrir uma reclamação.
Resultado dessa reclamação levamos o carro para volvo que fez nova atualização no carro.
6 Nova atualização passou a não mais configurar os celulares, e voltamos na Volvo 4x por fim disseram que teriam que trocar a antena.
7- A antena demorou 28 dias para ser trocada
Neste intervalo, tivemos audiência e não tivemos acordo de nenhuma as partes
8- Após a troca da antena o carro, rodamos vários dias no carro, e revezamos com nossos outros carros e um determinado dia ao tentar retirar o carro do estacionamento do nosso escritório no 3 andar o carro não saia, nem de ré e nem de frente e ainda subia a traseira ao tentar sair. O marco acionou a volvo que mandou um técnico, que após 2 horas conseguiu retirar o carro pois havia tido uma trava na roda traseira, alegaram que o carro deveria ter ficado parado por mais de 3 dias o que não houve devido o carro estar no estacionamento rotativo. O técnico então retirou o carro e disse que o carro não poderia ficar dias parado pois poderia ocorrer isso.
Algumas semanas depois, mais um episodio
9- desta vez após a entrega do carro com a antena já instalada, marco sai da Volvo e vai ao supermercado antes de ir para casa, faz as compras as coloca no carro e ao adentrar o carro sinais vermelhos de paralisia do carro acionam, o marco sai do carro com receio do mesmo travar tendo em vista os avisos na tela do carro em vermelho, aciona a volvo ,o técnico vai ate o Assai e la constata que a bateria de 12volts estava descarregada, sendo ele acabava se sair da Volvo. Os técnicos no meio do estacionamento do assai fizeram chupeta na bateria do carro para ele ligar e após isso desligou novamente, sendo que foi necessário o recolhimento do carro para pátio da volvo. Momento em que deixaram o teste drive com marco para ir para casa.
9.1-Volvo recolhido, quando chegamos na volvo 3 dias depois, carro carregado e pronto para entrega, a bateria descarrega dentro da própria volvo que vendo o problema, abriu um chamado na nossa frente e autorizou a trocar a bateria de imediato, conseguimos voltar com carro aparentemente sem problemas.
10 3 dias após este problema percebemos que o cinto de segurança fica frouxo e ainda não acionava no momento de frenagem, não abraçava mais o carona e tão pouco recuava quando destravado para o suporte onde deveria estar.
11- voltamos na volvo e foi constatado que o cinto estava fora do encaixe normal.
12 dia 09/05 marco acionou a volvo pois o carro estava travado acesso pela chave normal, não acendia e não destravava. Sendo que dia 08/05 o aplicativo confirmava 75% de bateria. O guincho da volvo foi para recolher o carro mas o mesmo não destravava e nem abria. O guincho não levou o carro pois não conseguiu ligar. Acionamos a concessionaria que mandou técnico em loco, que conseguiu abrir a porta de forma manual com modo emergência.
12.2 foi constatado que a bateria estava descarregada e cogitou-se a possibilidade do carro ter ficado 3 dias parado e por isso a bateria arreado, novamente em meio a uma avenida de grande movimentação na holandeses em frente a Mercedez uma chupeta era feita pela 3 vez no carro e agora bateria nova. Ligou se carro e técnico e guincho foram embora.
12.3 marco saiu com o carro, em menos de 500 metros marco precisou parar, e ao religar o carro novamente não mais ligava. O técnico foi novamente acionado e viu que o carro estava com mesmo problema, bateria estava em 75% e menos de 30 minutos o carro já não ligava novamente.
12.4 no meio da avenida holandeses em frente a localiza foi feito chupeta em menos de 40 minutos no carro.
12.5 o técnico pediu para recolher o carro para Volvo, e levou o marco no outro carro para casa.
13 após 24 horas pedidos pelos técnicos fomos a Volvo buscar o carro e para nossa surpresa foi pedido que o carro ficasse por mais tempo para fazer uma analise geral no carro e na bateria, um diagnostico geral
13.1 foi concedido um volvo xc 60 para aguardarmos o tempo de devolução do nosso carro, com 1 ponto de combustível e apenas 28km de automia da parte elétrica.
13.2 - 12/05 novamente pedimos a gerente e supervisor que resolvessem nosso problema, que trocassem o carro e ainda novamente demos a possibilidade de venda do carro a eles e ate mesmo troca pelo xc60.
A gerente disse que ia mandar avaliar nosso carro na melhor condição possível mas ate 16/05 não tivemos retorno.
14 na data de 16/05 o carro ainda não está sob nosso poder e sem respostas de previsão de devolução.

Dentre tantos problemas e constrangimentos queremos fazer pedido de tutela antecipada de troca do veiculo, com vícios desde inicio e ainda indenização no valor de R$ 400.000,00. Marco quer frizar a quilometragem menor do que a devida.
1- Medida [Editado pelo Reclame Aqui] de autonomia alterada pelo próprio site de 420 para 305 do mesmo carro em 6 meses
2- Vicio do produto
3-Defeitos que geram riscos a saúde e segurança cinto, antena, sos do carro, bateria, travamento de portas, trancamento de pinça traseira.
3- Demora nas devolutivas e resolver problemas do carro
4- Mentira contada pelo ex gerente declarada em carta de audiência
5- Problemas psicológicos que marco vem tendo acarretando em doenças psicossomáticas de fundo emocional
6- Impedimento de uso de nosso bem
7- Viramos chacota de quem ve a gente entrar e sair com carro com logomarca de test drive
8- Chacota de pessoas vendo o volvo ser feito chupeta na rua e no supermercado e marco de farda
9- Problemas de casal causado pela não solução que o carro acarreta
10- Prejuízo financeiro em termos que usar carro a combustão novamente
11- Custos com mais de R$ 3.500,00 entre médicos, exames e remédios
12- Marco foi submetido a vários exames constrangedores com resultado medico de cunho emocional
13- Brigas, raivas e ter que relatar a toda hora para concessionaria, funcionários novos, Volvo e atendimento o mesmo problema o tempo todo.
14- Não resolvimento de pendencias de defeitos do carro
15 - Agora fomos na concessionaria para avaliação do nosso carro e por estarmos com processo extra judicial a concessionaria não pode mais fazer avaliação do nosso carro.

Compartilhe

Resposta da empresa

05/07/2023 às 17:13

Olá Marco, boa tarde!

Agradecemos a oportunidade de conversar com você e entender melhor o ocorrido.

Conforme nosso contato telefônico em 22/03/2023, todos os esclarecimentos foram prestados.

Esclarecemos que de acordo com as novas determinações do INMETRO, a partir do dia 01/01/2023, todas as montadoras devem divulgar a autonomia elétrica de seus carros conforme o valor obtido nos testes do Programa Brasileiro de Etiquetagem.
As informações sobre autonomia anteriormente divulgadas pela VOLVO tinham como base os testes realizados segundo as normas do Padrão WLTP, utilizado na Europa, que diferem do Programa Brasileiro de Etiquetagem (INMETRO) em alguns aspectos, sendo que o mais relevante é que a norma do INMETRO determina a aplicação de um redutor de 30% (trinta por cento) sobre o valor da autonomia verificada no ciclo de testes, que é o que, de fato, acaba por trazer diferenças significativas entre os valores obtidos nas duas metodologias (WLTP e INMETRO).

Vale ressaltar que após uma análise detalhada junto a concessionária Original New Suécia - São Luis não foi identificada nenhuma anomalia na bateria e nenhum problema foi localizado.


Atenciosamente,
Volvo Cars Brasil
Central de Atendimento ao Cliente 0800 707 7590
E-mail: sac.volvocars@volvocars.com
WhatsApp: +55 11 97688-0513

Réplica do consumidor

06/07/2023 às 16:26

Informo que não comprei o carro com dados da Europa, e nem tão pouco comprei um carro que mude de status de 2022 para 2023, comprei um carro com garantia de 430km e e ele nao faz 430, nao faz 350, nao faz 305, nao faz 280, nao faz 250. faz 215. com 100% de carga.
E sim, a volvo tem registro ao menos em concessionarias da troca da bateria de 12 volts por 2 vezes, e se nao há esse registo sinto em falar mas tenho as fotos e videos dos momentos assim como devemos solicitar a concessionaria imagens do circuito interno. Nao comprei um carro da Europa e como sei bem, assim que o carro entra no Brasil o Inmetro certifica de forma imediata, pois para liberar o selo os padroes brasileiros tem que ser seguidos, ou estao me afirmando que a Volvo vendeu um carro sem padroes nacionais. Trabalho com equipamentos que vem da Alemanha e ele so recebe o selo do Inmetro para eu divulgar automia apos os testes.
O carro parado em conecssionaria por quase 2 meses, foi ilusão, [Editado pelo Reclame Aqui] ou tão pouco descaso?
Como se afirma em um carro que não apresenta problemas? E as fotos na avenida com carro parado, e as imagens do supermercado que mostram equipe Volvo indo buscar o carro meia hora após sair da concessionaria? E o que diz aplicativo que mostra uma carga e o carro descarrega?
E ainda pk a loja nao aceitou o carro sem avaliado na troca por um novo ?

Consideração final

05/01/2024 às 17:13

A reclamação foi encerrada sem avaliação, pois o consumidor não retornou para avaliar o atendimento da empresa.

PublicidadeIcone publicidade

Reputação da empresa:

Regular
REGULAR
6.9/ 10
CompareVer página da empresa

Está com problemas com Volvo Cars - Automóveis?

Reclamar
Melhores
Montadora de Veículos
Tire todas as suas dúvidas e confira o ranking das melhores empresas na página exclusiva do Reclame AQUI.
Acesse o ranking
PublicidadeIcone publicidade
PublicidadeIcone publicidade